quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Como se comportar na festa de fim de ano da firma


Essa já está atrasada, especialmente pra quem agarrou a secretária naquele show suado do Monobloco ou para quem abraçou o chefe além da conta quando o Alexandre Peixe cantou "Eu sou mais voçê!" nas festas de fim de ano da empresa.

Mas aí está ele de novo, Renato Grinberg, o guru das boas maneiras, o grande Atlas do convívio social corporativo, para nos ajudar na próxima vez! A aula agora é sobre como não pagar mico e evitar constrangimentos no dia da ressaca na firma. Aí vão as superdicas!

1. Beba moderadamente, nada de tomar um porre e subir na mesa para fazer um discurso;

2. Não “cante” os colegas ou as colegas de trabalho, isso pega muito mal;

3. A mulher do seu chefe não é sua confidente, portanto não abra seu coração e fale mal dos colegas para ela;

4. Cuidado com o traje, este não é o momento ideal para estrear aquela sua micro-saia ou aquela regatinha do seu time favorito;

5. Não faça fofoca, fale sobre amenidades, nunca fale mal do chefe ou dos seus companheiros de empresa;

Se esses cuidados forem tomados, o profissional evitará problemas no dia seguinte. E vale lembrar que: a festa de confraternização da empresa faz parte do trabalho e é importante aproveitar esses momentos para estreitar relacionamentos e ampliar o seu network.

2 comentários:

Energizaizer's disse...

pô, se soubesse desse guru antes...

descalça disse...

ufa, sorte q a festa da globo é só na sexta
:)